Gestão de Recursos Humanos: conheça o curso e saiba tudo da área

Nos dias atuais, escutamos muito sobre Gestão de Recursos Humanos. Mas você sabe o que faz um profissional desta área?

Pensando nisso, neste post apresentamos um guia completo com todas as informações que você precisa saber para decidir sua faculdade de uma vez por todas. Vem com a gente!

O que é Gestão de Recursos Humanos?

A Gestão de Recursos Humanos é responsável por aplicar uma série de conhecimentos e técnicas administrativas no gerenciamento da relação das pessoas com organizações. Por isso, o principal objetivo, além de alcançar os objetivos organizacionais, é garantir a satisfação e a realização de todas as pessoas envolvidas.

Esta área também pode ser conhecida por Gestão de Pessoas ou Administração de Recursos Humanos. Além disso, é considerada uma das áreas mais importantes dentro das empresas! Afinal, é de responsabilidade do RH tornar o ambiente de trabalho saudável, motivador, agradável e vantajoso para todos.

Resumindo: a Gestão de RH é um conjunto de práticas. Envolve atração de novos talentos, a integração das equipes, a mensuração dos resultados, planejamento e motivação diária. Já foi o tempo em que RH significava folhas de pagamento, contratações e treinamentos, viu?

De onde vem a Gestão de RH?

Inicialmente o setor de RH era nomeado de recursos industriais, isto é, servia para estruturar a relação do patrão com o empregado durante a Revolução Industrial. Depois, durante o século XX, o setor de RH era responsável pela remuneração visto que as pessoas não pensavam em qualidade de vida, e com isso, apenas obedeciam ordens e imposições de seus superiores. Este tipo de trabalho não dava abertura para criatividade, sendo então extremamente padronizado e exaustivo. Por isso a necessidade de um profissional para equilibrar essa situação.

Com o passar dos anos, o setor de RH e a administração foram se aproximando da psicologia, e justamente por causa disso, tiveram um grande impacto: a teoria de relações humanas. Através deste estudo, foi detectado que o comportamento do empregado é influenciado e motivado pelo sentimento de participação e envolvimento nos grupos informais das instituições. Com essa nova visão, o departamento de RH muda e começa a entender o empregado como um ser colaborador, motivado pelo reconhecimento e relacionamento no meio onde trabalha.

Qual a importância para as empresas?

Apesar de parecer óbvio, o papel da Gestão de Recursos Humanos é muito maior do que imaginamos! Visto que o maior atrativo nas empresas é o capital humano, esta é uma profissão responsável justamente por utilizar esses recursos de maneira assertiva. Englobando todas as práticas e políticas da empresa, este setor também envolve administração, comportamentos humanos e dia-a-dia da companhia.

O setor de RH afeta diversos outros setores, seja direta ou indiretamente. É este setor quem contrata, recruta, treina e capacita todos os funcionários da empresa. Realiza pesquisas de satisfação, mantém o ambiente saudável e orienta todos os funcionários e colaboradores.

Pesquisas já afirmam que empresas que possuem setores de RH eficientes possuem desempenho econômico duas vezes melhor do que aquelas com gestão falha.

O que faz o profissional de Recursos Humanos?

O profissional de Recursos Humanos possui diversas funções, e pode trabalhar em empresas de todos os setores. Para manter o bem-estar da equipe, este profissional pode ser responsável, por exemplo, pelas contratações e demissões dos funcionários, além de garantir direitos trabalhistas para todos e auxiliar nas estratégias futuras para contratação e recrutamento de novos colaboradores.

O profissional de RH também pode trabalhar como consultor, isto é, realizando entrevistas, aplicando provas, elaborando dinâmicas de grupo, testes vocacionais e até mesmo psicológicos. Portanto, pode ser contratado especialmente para este tipo de função para empresas, por exemplo.

Outras funções deste profissional são: realizar programas de treinamento para manter o conhecimento da equipe sempre atualizado, desenvolver campanhas e projetos para manter os colaboradores sempre motivados e o clima da empresa sempre saudável, manter o relacionamento e até mesmo negociar com as representações sindicais, atualizar o banco de dados da empresa, e por aí vai.

Como ter sucesso nesta carreira

Separamos algumas dicas simples e práticas para você que quer se dar bem nessa carreira. Confira:

1. Aprenda a se comunicar. Para ser um bom profissional nesta área, comunicação é imprescindível. É preciso aprender a se comunicar com as outras pessoas de forma clara, objetiva e eficiente. Seja empático! Comunicação verbal e não-verbal de qualidade tornam o ambiente mais leve, e até mesmo o trabalho mais fácil, viu?

2. Ouça! Ouça! Ouça! Não dá para almejar uma boa posição no setor de RH sem escutar as pessoas. Muitos funcionários e colaboradores vão te procurar para esclarecer dúvidas (sobre pagamentos, férias, horas trabalhadas…) sugerir melhorias, realizar críticas ou até mesmo reclamar de processos, pessoas e situações. Escute com atenção esta dor, procure entender e depois analise com uma visão estratégica esta percepção. Desenvolver resistências às críticas também é indicado, viu?

3. Visão global. Este profissional também acaba ocupando uma posição de mediador nas empresas. Por isso, é importante buscar estratégias globais, que alinhem as necessidades dos colaboradores aos objetivos do negócio. É preciso ter uma perspectiva ampla e completa, sem permitir que julgamentos e opiniões interfiram nesses processos de busca por soluções adequadas.

4. Vai, time! Possuir espírito de equipe já é indicado em qualquer situação que demande trabalhar com mais pessoas, porém no caso do profissional de RH é imprescindível. Motivação, animação, companheirismo, colaboração e liderança são algumas palavras para ficar na sua cabeça. Invista no seus colegas e você verá o resultado positivo!

5. Nunca pare de estudar! Esta dica vale para todas as carreiras, viu? Parar de estudar jamais! Procure novos cursos, atualizações e softwares que facilitarão seu trabalho sempre que possível. Acompanhe, através das redes sociais, profissionais desta área que você admira. Vá a congressos, palestras e leia muuuuito sobre o assunto, seja em revistas, livros e até mesmo blogs!

Tendências da Gestão Recursos Humanos no futuro

As tendências para a Gestão de Recursos Humanos são muitas, pois esta é uma área que só tende a crescer nos próximos anos. Estamos vivendo em um mundo de transição, no qual a tecnologia tem transformado o mercado e as relações de trabalho. O RH será responsável por entender essas mudanças e aplicá-las da melhor maneira possível, planejando o futuro.

Profissionais com capacidade de liderança receberão destaque, uma vez que o mercado é extremamente exigente e procura cada vez mais por profissionais qualificados. Colaboradores com grande capacidade de mobilizar e gerenciar equipes serão mais valorizados.

Outra tendência é a valorização da inteligência emocional. Saber lidar com seus sentimentos no ambiente de trabalho pode garantir maior produtividade, melhoras nos relacionamentos interpessoais, bem estar pessoal (e coletivo também!), e até mesmo gerar maior comprometimento com o trabalho. Cada vez mais, a inteligência emocional tem se provado essencial para a realização pessoal e profissional.

Mais uma tendência é a automação dos processos do setor de RH. Algumas das atividades mais burocráticas tem se tornado cada vez mais simples devido à implementação de novas tecnologias. Com isso, ganhamos em economia (de tempo e financeira), segurança, agilidade, integração e unificação de informações, e ainda minimizamos os erros causados pelos processos manuais.

Não podemos deixar de mencionar uma grande modificação que vem aparecendo no setor de RH, no momento das contratações: a mudança de perfil desejado pelas empresas. Antigamente, procuravam qualificações, formações acadêmicas e capacidades técnicas, sem se preocuparem com o profissional que estava se aplicando à vaga e suas atitudes. Atualmente, a preocupação está se dividindo também para as atitudes e comportamentos do candidato. “Quem é essa pessoa? Como ela pensa? Do que ela gosta?”, são alguns dos questionamentos importantes nesta nova era. Afinal, é importante que este novo integrante tenha similaridades com a cultura e ideais da empresa, né?

5 livros para o profissional de RH ler

Confira 5 livros imperdíveis para você que se interessa por Gestão de RH.

1. Gestão de pessoas: um novo papel do Recursos Humanos nas organizações – Idalberto Chiavenato. Este livro, além de ser do conceituado autor Idalberto, é reconhecido por ser objetivo e dinâmico. É leitura obrigatória para quem deseja seguir essa carreira, viu?

2. Como dizer? A arte de dar e receber feedback – Eliana Pitta. Este livro retrata a importância do feedback, isto é, saber como corrigir falhas sem afetar a relação funcionário / empresa.

3. Planejamento de Recursos Humanos – Maria Diva da Salete Lucena. Leitura obrigatória também, viu? Este livro é bastante reconhecido no meio acadêmico, muito indicado e aborda assuntos estratégicos sobre a gestão de pessoas. Além, é claro, de ser um livro extremamente atual abordando a geração Y.

4. Como fazer amigos e influenciar pessoas – Dale Carnegie. Este livro é considerado um clássico e trata de temas muito interessantes, como a arte de conviver em sociedade. São abordadas técnicas de como melhorar habilidades de conexão e comunicação com as outras pessoas. Serve para a vida no geral, viu?

5. Inteligência emocional –  Daniel Goleman. Outro aspecto importante que está em alta ultimamente é a Inteligência Emocional. Neste livro são abordados assuntos como a importância do controle emocional no cotidiano e na vida do indivíduo. Você faz ideia do quanto suas emoções afetam a sua produtividade e ambiente de trabalho?

5 filmes para o profissional de RH assistir

Também separamos 5 filmes imperdíveis para quem se interessa pela carreira de Gestão de Recursos Humanos. Vamos conferir juntos?

1. Um Senhor Estagiário (2015). Parece um filme bobo de sessão da tarde, mas este aqui é bem interessante para quem se interessa pela carreira de RH. Além de demonstrar muito bem a relação entre patrão e empregado, também foca nas diferenças entre gerações de forma muito bem humorada.

2. O Homem que Mudou o Jogo (2011). Este filme é sobre reinventar uma equipe, com pouquíssimo orçamento e tempo. Além de recrutar novos jogadores, este treinador tem que manter sua equipe motivada a conseguir vencer que seu ponto de vista estava correto. Acima de tudo, um filme sobre como lidar com pessoas.

3. Amor Sem Escalas (2009). Demissão em massa parece algo realmente complicado e difícil de se fazer, além de ser um assunto polêmico entre os profissionais de RH. O personagem principal desse filme vive disso: viaja para cima e para baixo realizando demissões. É uma discussão sobre ética, valorização do trabalhador, empatia e crises.

4. O Poderoso Chefão (1972). Um clássico do cinema! Se você já assistiu, aproveite para assistir de novo, desta vez com outros olhos. Esse filme mostra o valor de manter bons relacionamentos com as pessoas, possuir um excelente network e saber exatamente as qualidades de cada pessoa, para saber onde aplicá-la em seu negócio. Imperdível!

5. Clube da Luta (1999). Outro grande clássico do cinema. Além de ser um filme inspirador para a vida, também nos ajuda a questionar o que realmente importa na vida. Nem sempre dinheiro é o principal, né? É possível possuir funcionários empenhados e engajados, desde que a causa seja justa e possua propósito verdadeiro.

5 motivos para cursar Gestão de RH

Se mesmo após ler essa postagem você ainda está na dúvida, separamos 5 motivos para cursar Gestão de RH.

Você também pode conferir mais notícias interessantes neste link e neste link.

Esperamos que você tenha gostado. Caso tenham restado dúvidas, mande uma mensagem para gente!